A inscrição no processo RVCC Secundário fez aumentar a minha auto-estima. Estou em processo de descoberta e quero partilhar-la.

.mais sobre mim

.posts recentes

. Algumas dicas para quem e...

.Maio 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.tags

. todas as tags

.pesquisar

 

.tags

. todas as tags


Sexta-feira, 28 de Março de 2008

Algumas dicas para quem está a começar

Este processo é de facto complicado, mas é mais complicado do que parece
Vou tentar dar algumas dicas:
1. Começa por ler exaustivamente o referêncial. Ao contrário do que toda a gente pensa, é com base nele que vais valiadar as competências e não apenas com as tuas experiências de vida. Essas são o ponto de partida.
 
2. Como tens de abordar temas tão distintos como o clima, o arquitectura, ou economia, ou saúde, é bom que passes para o papel as tuas experiências de vida que aches serem significativas e que se enquadrem no referencial. Por exemplo, a questão da compra de habitação, todo o processo de escolha da casa, as contas, o orçamento, os contactos com os bancos, os spreads, as taxas de juros, a euribor validam uma serie de competências em CLC e STC (a´reas gemeas) ao nível de Gestão e Economia. Dependendo do modo como encares o Referencial e claro com recurso a algumas pesquisas na Internet ou outras fontes vais validar nesse Nucleo, pelo menos o DR1, o DR3 e o DR4. Se a tua área profissional for na área da economia ou contabilidade, consegues tambem validar DR2. Com o mesmo tema vais conseguir validar em CP o DR1 de Programação.
3. Evitar ser descritivo. Não interessa, por exemplo,  descrever a história do credito bancário, mas sim reflectir sobre as sua evolução e demostrar pelo discurso que se sabe do que se está a falar (se  isso for pertinente para o trabalho).
 
O segredo está em ler muito bem os critérios de evidência e estruturar o trabalho de modo a que cada tema abranga o maior numero de áreas possíveis. Na maioria dos casos consegue-se validar CLC e STC em simultaneo.
As primeiras vezes que se lê o referencial, além de ser uma seca, tira-nos o animo. Mas temos de nos convencer que é a nossa biblia e apartir daí, ao ler consegues perceber quais são as experiencias da tua vida que podem caber nos critérios.
Não penses em desistir. O processo é complicado, exige muita disponibilidade da nossa parte e também muito estudo e pesquisa. Mas o resultado final vai ser muito bom.
Força e Bom Estudo

publicado por acalado às 09:10

link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

Sat25.com

.comsualicenca

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds